Visite tambem o novo Blog.

Visite tambem o novo Blog Relembre os acontecimentos dos anos 80 a 2000 : http://www.yzbrasil.blog.br/

sábado, 14 de abril de 2012

Como as vovós de hoje usaram mini-saias?


Bom,nós, estas vovós comportadas de hoje, usamos mini saias!! Não que isso deponha contra nossa imagem, mas é que as nossas vovós, eram tão recatadas! Eu me lembro da minha avó, jovem ainda, de vestido abaixo dos joelhos, decote discreto e estampa florida. O jovem de hoje verá sua vovó de mini-saia em seus álbuns de fotos!

Nós tivemos o privilégio de vivenciar a tão comentada revolução social e cultural na década de 60.

Já pensaram nisso? Nós estávamos lá!!!

Pois é...Foi nesta época de turbulenta reviravolta nos costumes, que a  inglesa Mary Quant criou a mini-saia em 66/67 e agradou em cheio as moças de antão, bem predispostas a mudanças e inovações!


Esta é a estilista Mary Quant

Eu me comportava como todas! A saia do ginásio era enrolada no cós para virar mini. Imagine usar a saia no comprimento original, ou seja, até os joelhos... Um horror!!!


Olha eu aqui, com uniforme do ginásio em 1967..Bem enroladinho no cós, né?

Quem usava até os joelhos sofria "discriminação"e era vista como uma "\Maria mijona"!!!

Quem estudava em colégio de freiras tinha que suportar o suplício de ficar como "Maria mijona" dentro do colégio, mas na saida só se via meninas enrolando as saias!

De vez em quando tinha blitze. Se a saia estivesse tantos centímetros acima dos joelhos, tinha multa de  anotação na caderneta e se reincidisse, tinha suspensão.Acho que era influência do regime militar, né?

O bom é que com um pequeno pedaço de tecido, se fazia um belo tubinho mini.

Mas.. calma pessoal.. a gemte  não aprontava não.. não tinha maldade não, juro. Era só onda mesmo, moda.. Duvido que a gente parasse em qualquer  bar para tomar chopp como se faz hoje em dia. rsrs bons tempos.. 
cultura de uma época, né?  

  A gente para ser aceita no grupo, tinha que usar mini-saia. Os garotos faziam questão de serem cavalheiros e nos deixarem subir as escadas primeiro! rsrs

Falando nisso, houve até um lance de combinar o tecido da mini-saia com o tecido da calçinha.

O problema era sentar. Naqueles ônibus que tinham um banco em frente ao outro tinha marmanjo disputando sentar em frente a uma mini-saia. Era inevitável aparecer a calcinha, por mais que se puxasse a saia para baixo era um desastre e uma tortura.. Usar mini-saia e mini-blusa então... 


Só não podia folgar mesmo na hora de sentar, senão já viu, né?  Na escola as meninas sentavam com os cadernos no colo para cobrir as pernas e garantir desta forma, que a danada da mini subisse. 

Os pais mais rígidos e conservadores, não permitiam que suas filhas usassem mini-saia, então era comum, as meninas sairem de saias até os joelhos e mal dobravam a esquina, as saias eram enroladas, mas tensas o tempo todo, com receio de toparem com os irmãos "dedoduros".

No início dos anos 70, veio a moda da mini pregueada que a gente usava com blusas listradas (acho que foram as primeiras mini blusas que apareceram). Modinha graciosa e as sandálias anabela davam o toque final. Vocês se lembram?

Interessante é que na minha cidade, no meu círculo de amizade, não havia muito rigor com relação á estética das pernocas. Todas usavam.. Desde as magrinhas de perninhas "vara pau", até as de pernas mais gordinhas, que até andavam de pernas meio abertas para uma coxa não bater na outra, evitando assim o atrito que as esfolava.

Acho que era estar entre a "Cruz e a caldeira". Ou ficava "boko moko" de saia comprida, ou vencia o complexo das pernas feias e enfrentava a mini-saia a despeito de tudo e de todos!



Falando neste assunto, me veio na memória a cantora Waldirene cantando ♫ a mini-saia fica bem em mim...♫

Vamos relembrar?



E você? Tem alguma história para compartilhar com a gente do seu tempo de mini-saia? 

Mariângela Cândido


2 comentários:

Valéria P Costa disse...

Oi Mariângela, era bem assim mesmo!
eu tive uma bem parecida com a da foto q pst...era mini e "saint tropez" (cintura baixa), eu usava com cinto largo...
Comprimento? me lembro em 35cm, o q me foi permitido usar...os vestidos tbm...era "tubinho" de tds as cores...''pretinho básico'' não se usava mt... e os saltos bem altos...
E as sandálias de tiras amarradas nas pernas?
Me lembro q as minhas mandei fazer, tiras brancas e pretas,para trocar conforme a roupa, iam até a coxa...rsrs
fomos bem "moderninhas", não acha?
Ah ,ia me esquecendo das "blitz", no meu caso, no Nicola, as inspetoras desmanchavam as barras das "mais ousadas...e quem só "enrolava" estava a salvo!rsrs
Vivemos um tempo q marcou época...por isso ainda podemos ser chamadas de "sexa'lescentes...",não é?
bjão

Mariangela disse...

Obrigada pelo seu comentário que só enaltece e complementa esta postagem, amiga Valéria!Esta das sandálias com "tiras", não estava no "script"! kkkkkkkkk Eu particularmente não tive desta sandália. Eu gostava muito de usar com sandálias tipo anabela, ou então com botas, daquelas do tipo militar, com um monte de ganchinhos para a gente ir cruzando com a tirinha de couro. Mas fomos garotas "papo firme" e não podemos nos esquecer, né? Bjs!