Visite tambem o novo Blog.

Visite tambem o novo Blog Relembre os acontecimentos dos anos 80 a 2000 : http://www.yzbrasil.blog.br/

sábado, 20 de novembro de 2010

Antiga estação rodoviária-1958

1959 – Prédio da antiga Estação Rodoviária de Catanduva na Rua Rio de Janeiro poucos dias antes da sua inauguração que ocorreu em 08.12.1959 na gestão do Prefeito Municipal José Antônio Borelli. Nesse local hoje funciona parte do complexo da  “Estação Cultura” vinculada à Prefeitura Municipal de Catanduva
 

3 comentários:

BALTAZAR disse...

LINDAS LEMBRANÇAS DESTA ESTAÇAO NOS ANOS 69/70 MEU PAIS JA ESTAVAM MORANDO EM S.P E EU ESTAVA ACABANDO O GINASIAL NO NICOLA, E TINHA QUE FICAR COM MEUS IRMAOS FERNANDO , ALBINO E MARIA EM CATANDUVA ERA O UNICO SOLTEIRO EM CATANDUVA JA QUE A ROSA VEIO PARA S.P COM MEUS PAIS.
ENTAO FUI TRABALHAR NA VIAÇAO LUWASA E IA DUAS VEZES PARA BEBEDOURO TODODS OS DIAS COM O MOTORISTA BIGODE UM SR.MUITO SIMPATICO , QUANTAS VEZES FICAMOS ENCALHADOS NAQUELA ESTRADA POIS NAO TINHA ASFALTO E AQUELES ONIBUS ANTIGOS SO NOS DAVA DOR DE CABEÇA , MAS ERA GOSTOSO POIS FAZIAMOS AMIGOS NAS VIAGENS , ERA FAZENDEIROS E TRABALHADORES , CADA CIDADE QUE PASSAVAMOS ERA UMA DELICIA , PALMARES, PIRANGI, BOTAFOGO E BEBEDOURO, QUANTAS GALINHAS AJUDEI A TRASPORTAR NO PORTA MALA DO ONIBUS,PARAVAMOS O ONIBUS NA ESTRADA E PEGAVAMOS MAMOES QUE AGUARDAVAM TRANSPORTE NA BEIRA DA ESTRADA E IAMOS COMENDO NO ONIBUS E TODOS OS PASSAGEIROS PARTICIPAVAM DA FESTA, QUANTOS CAFES TOMAMOS NO BAR DO MACHIONE NA ESTAÇAO , LEMBRANÇAS BOAS DESSE TEMPO.

pedro luis disse...

NOSSA O QAUNTO CHOREI NESSA RODOVIARIA!!!! NO DIA 14 DE ABRIL DE 1985 FUI EMBORA PARA SÃO PAULO PARA JOGAR BASKET!! QUE CHORADEIRA MEU AVO JOSÉ BENATTO IA ME ESPERAR NO VIADUTO QUANDO EU CHEGAVA ELE ME VIA DE LONGE E COMEÇAVA A CHORAR E EU TAMBEM É CLARO!!! GRNADE JOSÉ BENATTO VIAJOU A CASA DO PAI E DEIXOU MUITA SAUDADES TAMBEM!!!

ariovaldojacob disse...

Me emocionei ao rever a rodoviária lembrei dos tempos de criança quando ia na casa de meus avós em ELISIÁRIO e lembrei-me também quando não tinha a rodoviária,os ônibus ficavam estacionados ao lado da estação onde tem a ponte de ferro para travessia da linha do trem,e ficavam esperando o trem chegar para partir estavam vinculado aos trens se o trem atrasasse os ônibus ficavam esperando,o que seguia em direção a ELISIÁRIO era um ônibus de cor verde com uma escadinha atrás para subir no bagageiro onde também ficavam 2 estepes,isto em 1957 depois, ao ser alfabetizado pude ler o nome da empresa que se chamava CAPARRÓS.Todo ano eu ia com minha mãe de trem eram 12 horas,que tempo bom cheguei a ver pessoas pescando num rio dentro da cidade que depois vim a saber que se chamava SÃO DOMINGOS.A minha família em ELISIÁRIO são os michilin hoje moro em PRAIA GRANDE sp mas nunca esqueci dos meus avós,meus tios,primos que muito me ajudaram na formação de moral e e de caráter . O passado não reconhece o seu lugar...está sempre presente um abraço a todos Ariovaldo (vadinho)