Visite tambem o novo Blog.

Visite tambem o novo Blog Relembre os acontecimentos dos anos 80 a 2000 : http://www.yzbrasil.blog.br/

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Por onde anda Maria Izabel de Lizandra?




Paulistana, nascida em 1945, a atriz Maria Izabel de Lizandra estreou em novelas com apenas 19 anos de idade, em 1964, na extinta TV Tupi, na trama Se o Mar me Contasse, dirigida por Geraldo Vietri. Nessa época, também atuou em cinema, no filme Vereda da Salvação, de Anselmo Duarte, que provocou a crítica e o público em festivais de todo o mundo.

Em 1966 foi para a TV Excelsior onde participou de várias novelas, como Anjo Marcado, O Terceiro Pecado, As Minas de Prata, todas de Ivani Ribeiro e dirigidas por Walter Avancini. Nessa época, a atriz tornou-se um dos rostos mais habituais e bonitos das nossas novelas. Ainda fez A Muralha, na mesma TV Excelsior, que foi uma superprodução, também de autoria de Ivani Ribeiro.

Após o fechamento da TV Excelsior, Maria Isabel de Lizandra foi para a TV Tupi, em 1970, onde fez grandes novelas, a exemplo de As Bruxas, Camomila e Bem-Me-Quer, O Hospital e Xeque Mate (onde conheceu Enio Gonçalves, com quem se casou na época e teve duas filhas).
Maria Isabel de Lizandra trabalhou em muitas novelas de sucesso na TV Tupi, como O Machão, a histórica Éramos Seis, Salário Mínimo, dentre outras. O reconhecimento como atriz aconteceu mesmo quando interpretou a rebelde Malu, em Mulheres de Areia, uma novela que teve sucesso absoluto na TV Tupi e foi regravada recentemente pela TV Globo. Permaneceu na emissora até seu fechamento. Em seguida, fez teleteatro na TV Cultura.
Também atuou em teatro e cinema, sendo que suas duas últimas aparições no cinema nacional foram ainda na década de 70 onde estrelou Belas e Corrompidas e fez um dos principais papéis de Ensaio Geral - A Noite das Fêmeas. 
Estreou na TV Globo na minissérie Moinhos de Vento, em 1983. Depois, atuou na novela Champagne, de Cassiano Gabus Mendes, e na minissérie Tenda dos Milagres.
Dona Beija - sucesso absoluto!

Em !986, Lizandra foi contratada pela Rede Manchete para participar da novela Dona Beija, umasuperprodução de160 milhões de dólares e dirigida por Herval Rossano.                                                 Sua personagem, Josefa, era um dos grandes destaques da trama – após ficar viúva se apaixonou por um pianista, muitos anos mais jovem que ela, interpretado pelo ator Jayme Periard. Sucesso absoluto! 
Essa novela foi reprisada pela emissora duas vezes: em 1988 e 1993!

A atriz voltou a trabalhar na TV Globo em 1988 para interpretar Marisa, vizinha da atriz Regina Duarte, na novela Vale Tudo – outro sucesso em sua carreira. Também 
na Globo, participou de Pacto de Sangue, na personagem Dona Clara. Retornou 
à Rede Manchete em 1991 para atuar em três episódios de Fronteiras do Desconhecido e da minissérie Filhos do Sol.

Atualmente, Maria Isabel de Lizandra leciona teatro em universidades, promove
workshops e está com projetos para a sua volta na telinha.


www.destaquesp.com/index.php/Celebridades/Onde-Anda-Voce/maria-isabel-de-lisandra.html





12 comentários:

antonio carlos novelli disse...

Conheci a Maria Izabel na TV Excelsior canal 9, década de 60, conheci assim de vista, quero deixar bem claro! Moça por demais bonita, excelente atriz!

Gisele Cristina Grandizolli disse...

Tive o prazer de trabalhar com a maria Izabel , no ano de 2002 e 2003 , junto à Faculdade Paulista de Artes ,onde ela , assim como eu, lecionava no curso de Artes Cênicas. Se,pre suave e muito competente como professora! Depois não a vi mais!!

Anônimo disse...

Assisti uma peça de teatro - O Duelo , o de fazia par com Antônio Fagundes, na década de 70 em Sampa.

Anônimo disse...

Saudade da nossa atriz.Volte logo.

Anônimo disse...

Saudade da nossa atriz.Volte logo.

ODAIR disse...

Trabalhei com ela em 1983 ,quando era operador de microfone na TV GLOBO,em um núcleo daTV GLOBO em SANTANA,ZONA NORTE DE SPAULO,era um CASO VERDADE que a TV GLOBO exibia chamado DEVOLVA - ME FILHO

ODAIR disse...

Trabalhei com ela em 1983 ,quando era operador de microfone na TV GLOBO,em um núcleo daTV GLOBO em SANTANA,ZONA NORTE DE SPAULO,era um CASO VERDADE que a TV GLOBO exibia chamado DEVOLVA - MEU FILHO .

Anônimo disse...

Meu nome foi inspirado nessa grande atriz e sou grata aos meus pais pela bela escolha que fizeram. Considero belíssimo!!!
Não a conheci na TV ou no Palco, somente na internet mas, pelos relatos que li a seu respeito trata-se de uma grande atriz, além de bela.
Meu nome...Lizandra!

Vivian Leide Vieira disse...

Lembro dela em O machao e xeque mate. Saudade dessa atriz

Vivian Leide Vieira disse...

Lembro dela em O machao e xeque mate. Saudade dessa atriz

Ullos Jota disse...

Recordo-me bem de sua,talvez, mais deslumbrante participação em telenovelas. . .Foi em mulheres de areia, como "Malu", moça de temperamento espalhafatoso sempre se rebelando contra seu pai, o empresário sem escrúpulo, extremamente arrogante, "Virgílio Assunção" - Cláudio C. e Castro... Contracenava com António Fagundes, o "Alaor", seu "marido", com quem brigava cons- tantemente em circunstâncias, por vezes, cômicas. . . Esse casal - "Malu" e "Alaor" - serviu de inspiração para repetir-se na novela "O Machão", no ano seguinte, 1974, desta feita como "Catarina" e "Julião Petrúchio", sendo ela culta e educada e ele um verdadeiro "bicho-do-mato", interesseiro e fanfarrão. . . Foi uma novela que passava depressa, todavia, divertida.
Muito bom o Clube dos "Entas"de Catanduva!

Rosangela Alves disse...

Amei sua atuação na novela dona beija.