Visite tambem o novo Blog.

Visite tambem o novo Blog Relembre os acontecimentos dos anos 80 a 2000 : http://www.yzbrasil.blog.br/

terça-feira, 27 de março de 2012

"Alô, Doçura!"




Ainda nos primeiros anos da Televisão, os autores, diretores e técnicos recebiam muita influência da TV Americana. Em 1953 a Tv Tupi resolveu adaptar o grande sucesso televisivo 'I Love Lucy'. Um seriado cômico baseado na vida conjugal de um casal, e na epopéia que é a vida a dois. A ambição da emissora era ter um programa que tivesse a seguinte estrutura: um humor leve e descontraído, histórias com pouca duração e o principal, um casal de grande empatia do público.

A primeira investida foi com o mais badalado casal daqueles tempos: Anselmo Duarte e Ilka Soares. Os dois atores na época, bem sucedidos e considerados os mais belos do Brasil. O seriado não vingou porque, segundo a própria Ilka Soares, Anselmo não conseguia decorar o texto (pois a dinâmica ao vivo era muito diferente da do cinema, na qual ele estava acostumado). E também o casal estava pra lá de ocupado, um programa na Rádio Record que era líder de audiência, muitas festas à comparecer e muitos filmes em vista.

Imediatamente a Tupi escalou outros dois novos atores, Mário Sérgio (galã da companhia de cinema Vera Cruz) e Eva Wilma, uma jovem atriz que era uma promessa no cinema.

Algumas edições depois, o programa chamado de "Alô, Doçura!", já era sucesso. Dirigido por Cassiano Gabus Mendes, a atração também tinha influências do rádio, já que seu pai Octávio Gabus Mendes criara um programa que trazia praticamente a mesma fórmula.

Em 1954, o ator Mário Sérgio deixou o seriado. Segundo amigos, o ator vivia deprimido pois não se considerava plenamente feliz na profissão de ator.

Mário foi substituído por John Herbert, outro jovem ator que também começara nas comédias do cinema brasileiro. O personagem caiu como uma luva para o ator. E o programa seguiu fazendo enorme sucesso.

A química entre o casal era tanta, que os dois chegaram a se casar em 1955. O que trouxe ainda mais empatia com o grande público, que o apelidou de 'Casal Doçura'.

O programa durou até 1964, depois algumas pequenas interrupções e eventuais substituições, já que quando Eva Wilma engravidou, Marly Bueno assumiu o seu lugar.

Sempre com enorme sucesso de público e de crítica, "Alô, Doçura!" foi sem dúvida a primeira produção televisiva a conquistar público cativo durante todos os anos em que foi exibida.


O casal ainda faria outro seriado praticamente idêntico ao primeiro, chamado "Comédia Carioca", exibido em 1965, agora para a Tv Record.



Um comentário:

guilherme da silva disse...

Ótimo programa, eu era assíduo tele espectador.
É uma pena que hoje não temos mais esse tipo de programa em nossas canais de televisão,
leve simples e puro.